segunda-feira, 31 de março de 2008

Neto é desfalque em Rio Grande

Além de Manga, suspenso, para o jogo de quarta-feira em Rio Grande o Farroupilha não poderá contar com o zagueiro Neto. No último domingo ele sofreu lesão no músculo posterior da coxa direita em lance isolado. Neto (foto) realiza ainda esta semana o exame de ressonância, para que o médico da equipe - Bruno Madrid - possa avaliar melhor sua situação. O zagueiro, que é peça importante no esquema tático do técnico Eduardo Pereira, poderá estar à disposição já para o clássico contra o Pelotas. Para substituir o zagueiro Neto nesta quarta-feira, Eduardo conta com Nei ou Guilherme. No jogo contra o 14 de Julho foi Guilherme quem entrou em campo, mas ainda não há definição de quem será o titular contra o Rio Grande. No treino de amanhã à tarde o treinador definirá as posições. Hoje a manhã foi de folga, e a tarde de treino regenerativo para os que enfrentaram o 14 de Julho no domingo. Já a equipe reserva enfrentou o time juvenil do Farroupilha, comandada por Chapolin. O jogo foi bem disputado, inclusive tendo jogadas mais fortes. Os profissionais do Farroupilha venceram os juvenis por 5 a 0. Uendel, recuperando-se de dores no estômago, foi poupado. Amanhã no Nicolau Fico o treino será com o grupo completo.

domingo, 30 de março de 2008

Farroupilha 3 x 1 14 de Julho

30.03 - Farroupilha 3 x 1 14 de Julho

O Farroupilha devolveu em grande estilo o mesmo placar do primeiro jogo contra o 14 de Julho de Livramento. Jogando no Nicolau Fico, o Tricolor foi para o ataque desde o início do jogo. Os estreantes demonstraram suas qualidades e tiveram boas atuações. Enquanto Fabrício foi seguro nas defesas sempre que acionado, Vágson e Flavinho tiveram boa movimentação e se destacaram na partida. Uendel, que seria o substituto de Élton Corrêa não ficou nem no banco de reservas devido a uma indisposição. Com fortes dores no estômago, o atleta foi ao estádio apenas para apoiar a equipe. E o apoio de Uendel e de toda a torcida tricolor deu resultado. Aos 17 minutos do primeiro tempo Gil recebeu de Neto, foi até a linha de fundo e cruzou para o artilheiro Fábio Alemão marcar de cabeça. Mesmo com a vantagem no placar, o Farroupilha seguiu pressionando e perdeu várias chances de fazer o segundo gol ainda na primeira etapa. Fábio Alemão chegou a acertar a trave do 14 de Julho. Ainda no primeiro tempo, em lance polêmico, Manga entrou na área, deu um corte no zagueiro e foi para o chão. O árbitro Roberto Carlos Bolzan não marcou o pênalti e ainda expulsou o atleta, que já tinha cartão amarelo.

Com um homem a menos na segunda etapa o Farroupilha foi mais cauteloso, mas sempre indo ao ataque com força. Aos sete minutos, Gil cruzou da direita para Fábio Alemão, que foi puxado pelo zagueiro na frente do árbitro. Pênalti marcado, que Élton Corrêa bate e converte (foto). Dois a zero para o Farroupilha. Um é pouco, dois é bom, três é ótimo! Em cobrança de falta ensaiada, Gil passou por cima da bola e correu para a área, onde recebeu o passe pefeito de Élton Corrêa e mandou para o fundo do gol. O 14 de Julho ainda descontou em um chute de dentro da área que André Bagé, em cima da linha, quase conseguiu salvar.

Com os demais resultados desta primeira rodada do returno, o Farroupilha voltou à zona de classificação. A equipe tricolor ocupa agora a 4ª colocação, com mesmo número de pontos do 3º colocado 14 de Julho. O Fantasma está a dois pontos do seu próximo adversário, o Rio Grande, que ocupa a 2ª posição na tabela. Uma vitória no estádio Arthur Lawson, em Rio Grande, nesta quarta-feira, deixa o Farroupilha como vice-líder da chave 2, encaminhando a classificação da equipe. Para o jogo contra o Rio Grande a preocupação da comissão técnica é o zagueiro Neto. No fim do primeiro tempo, em lance de disputa de bola, ele sentiu o músculo posterior da coxa direita e deixou o gramado com muita dor (foto), precisando ser carregado de maca até o vestiário. Neto recebeu atendimento e no final da partida já quase não sentia dores. Como ainda não foi possível a realização de uma avaliação completa pela equipe médica, ainda não se sabe se o jogador poderá atuar na quarta-feira.

Confira os gols da vitória tricolor.

video

(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

sábado, 29 de março de 2008

Começa o returno!

Para o jogo de amanhã contra o 14 de Julho, o Farroupilha terá a volta de duas peças importantes: Luis Fernando e André Bagé, que cumpriram suspensão no jogo de Livramento, voltam para a formação titular do tricolor. Marquinhos, com lesão no ombro direito, está fora da partida. Hoje pela manhã foi realizado treino leve, apenas para acertar os últimos detalhes antes do jogo. O técnico Eduardo Pereira disse que os atletas recém contratados são um grande acréscimo para a equipe e devem enfrentar o 14 de Julho. Eduardo ainda não definiu duas posições. Élton Corrêa sentiu pequena lesão e é dúvida. Ele, que é um dos destaques do Fantasma na competição com dois gols marcados, poderá dar lugar a Uendel. No gol, ainda não está confirmado se joga Fernando ou Fabrício. O goleiro Fernando (foto) atuou em todos os jogos até agora. Fabrício, que em 2007 atuou no Inter de Santa Maria, poderá estrear no Farroupilha contra a equipe da fronteira. Sendo assim, a possível formação para o jogo de amanhã será:

FERNANDO (FABRÍCIO); GIL, ANDRÉ BAGÉ, NETO e IGOR, LUIS FERNANDO, VÁGSON, FLAVINHO e ÉLTON CORRÊA (UENDEL); MANGA e FÁBIO ALEMÃO.

São Paulo e Pelotas, em Rio Grande, e Flamengo e Rio Grande, em Alegrete, completam a rodada da chave 2. Uma vitória do Farroupilha, combinada com tropeço das equipes rio-grandinas, poderá deixar o Fantasma até mesmo na 2ª posição, encaminhando a classificação.

sexta-feira, 28 de março de 2008

Farroupilha reforça elenco

Buscando a recuperação e o retorno à zona de classificação da chave 2 da Segundona gaúcha, o Grêmio Atlético Farroupilha foi atrás de reforços e anunciou duas novas contratações: depois do meia Vágson, o tricolor pelotense acertou hoje (sexta-feira) pela manhã com o volante Flavinho, que estava atuando no Brasil de Pelotas.



Vágson Pacheco Ribeiro, 26 anos, veio cedido por empréstimo junto ao Cianorte Futebol Clube do Paraná, e fica no Fantasma pelos próximos três meses. Vágson chegou à cidade hoje ao meio-dia e já treinou à tarde com o grupo. O volante, relembrando as boas atuações pelo Farroupilha em 2005, se diz "voltando para casa", e estará à disposição do técnico Eduardo Pereira para o jogo de domingo (30), contra o 14 de Julho, na abertura do returno.




O volante e lateral direito Flávio Sedenir da Silva, 28 anos, natural de Campo Bom, formalizou o contrato com o tricolor na manhã desta sexta-feira. Flavinho, como é conhecido, já atuou pelo 15 de Novembro, São Luiz de Ijuí, Sapiranga, e recentemente estava no Brasil de Pelotas. "Conheço alguns jogadores do grupo. Já joguei com o Luiz Fernando e meu intuito é somar para buscar essa classificação”, disse o jogador, ainda na Secretaria do Clube.






Com essas contratações o Farroupilha preencheu duas das três vagas de atletas de série A a que tem direito. A terceira vaga será - possivelmente - de um centroavante.

quinta-feira, 27 de março de 2008

Fim do 1º Turno

O Farroupilha chegou à metade da primeira fase na quinta colocação. A equipe treinada por Eduardo Pereira tem oito pontos, mesma pontuação do São Paulo de Rio Grande, que ganha do Fantasma do saldo de gols. O Farroupilha ainda não perdeu em Pelotas. No Nicolau Fico (foto) foram três jogos, sendo dois empates e uma vitória. Com seis gols marcados no campeonato, o Tricolor do Fragata tem como um dos seus principais destaques Fábio Alemão. O atleta marcou três vezes e é o artilheiro da equipe.

Confira a classificação:

1º - Pelotas 14 pontos (6 jogos, 4 vitórias)
2º - 14 de Julho 11 pontos (6 jogos, 3 vitórias)
3º - Rio Grande 9 pontos (6 jogos, 2 vitórias)
4º - São Paulo 8 pontos (6 jogos, 2 vitórias)
5º - Farroupilha 8 pontos (6 jogos, 2 vitórias)
6º - Flamengo 4 pontos (6 jogos, 1 vitória)
7º - Bagé 2 pontos (6 jogos, nenhuma vitória)



Se a primeira fase acabasse hoje, o Farroupilha ficaria fora da próxima fase. O Fantasma está a uma posição da zona de classificação, e neste domingo, com uma vitória simples sobre o 14 de Julho no Nicolau Fico pode ficar novamente entre os quatro classificados. No returno o Tricolor enfrentará Pelotas, 14 de Julho e São Paulo em casa, e irá a Rio Grande, Bagé e Alegrete para enfrentar as equipes locais.

14 de Julho 3 x 1 Farroupilha

23.03 - 14 de Julho 3 x 1 Farroupilha

Na sua pior apresentação até o momento na Segundona gaúcha, o Farroupilha foi derrotado no estádio João Martins, em Livramento, pelo 14 de Julho. As bolas paradas foram um problema para a equipe de Eduardo Pereira. Em dois lances de escanteio, o 14 de Julho marcou dois gols. No primeiro, ainda na etapa inicial, cruzamento da direita e Wando, sozinho, toca para o gol. Já no segundo tempo, novo escanteio pela direita, o goleiro Fernando tromba com o jogador do 14 de Julho e Róger é quem toca para o gol vazio. Os jogadores do Farroupilha pediram a marcação de uma falta no goleiro no lance. (foto) Um jogador do 14 de Julho que não participou da jogada, obstruiu a passagem do defensor tricolor. Enzo ainda fez o terceiro para a equipe da fronteira, encobrindo Fernando. O Fantasma descontou depois de uma furada do zagueiro do 14 de Julho, que Fábio Alemão não desperdiçou e furou a rede adversária. O Farroupilha caiu para a quinta colocação na chave 2 da Segundona 2008.
Confira os gols da derrota tricolor.

video

(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

sexta-feira, 21 de março de 2008

Farroupilha 1 x 1 Rio Grande

20.03 - Farroupilha 1 x 1 Rio Grande
_
O empate diante do Rio Grande nesta véspera de feriado teve gosto de vitória para o Fantasma. Depois de um primeiro tempo sem muitas chances, foi o Rio Grande quem abriu o placar na segunda etapa, com Edmário, após cobrança de falta. O Tricolor pelotense ainda teve duas jogadas polêmicas a seu favor. Em uma delas, após jogada aérea do Farroupilha o zagueiro do Rio Grande mandou a bola para escanteio... com a mão (foto). Depois do gol rio-grandino, o Farroupilha acordou e teve uma seqüência de jogadas a seu favor. No finalzinho do jogo, como já é de costume, bola levantada na área, André Bagé fura, a zaga corta, a bola sobra para o tricolor e é alçada na área, Élton Corrêa e Fábio Alemão tentam, a bola pára no goleiro, e sobra para Élton Corrêa, que de voleio marca o gol do alívio. Tudo igual no duelo dos tricolores. O Farroupilha empatou o jogo aos 49 minutos e - no contexto de ontem - garantiu um ponto importante para a classificação.
_
No final do jogo, houve reclamação com o trio de arbitragem. Jogadores do Rio Grande, do Farroupilha, e os dois técnicos foram até o meio do campo tirar satisfações com Paulo Roberto Chaves Cardoso e seus auxiliares. Eduardo Pereira reclamando da má atuação da arbitragem e do pênalti não marcado para o Fantasma, e Alberi Rodrigues - com um cronômetro na mão - falando sobre o tempo de acréscimo definido pelo árbitro. Foi necessária a intervenção do Batalhão de Choque da Brigada Militar para conter os ânimos dentro do gramado.
_
Confira os gols do empate entre os Tricolores.
_
video

(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

quarta-feira, 19 de março de 2008

Pelotas 3 x 1 Farroupilha

18.03 - Pelotas 3 x 1 Farroupilha

No clássico Far-Pel número 190, o Pelotas superou o Farroupilha com o placar de 3 a 1. Em um jogo conturbado e com muitas reclamações sobre a arbitragem, a equipe tricolor começou bem, mas logo viu o adversário fazer 1 a 0, em um belo chute de Deivid. O Farroupilha não se abalou e foi ao ataque, mas não conseguiu marcar no primeiro tempo. O técnico Eduardo Pereira (foto) fez alterações na equipe para o segundo tempo, mas com menos de um minuto, o Pelotas tocou a bola no campo de ataque e Rodrigo Gasolina recebeu na entrada da área para marcar o segundo do áureo-cerúleo. O Pelotas seguiu pressionando em busca do terceiro gol. Com a entrada de Uendel o Fantasma conseguiu reagir, mas aos 20 minutos em cruzamento pela esquerda o goleiro Fernando foi enganado pela bola, que sobrou para Santiago marcar o terceiro. Com o placar completamente desfavorável, o Tricolor do Fragata se jogou para cima do Pelotas, e ainda conseguiu diminuir com um golaço de Élton Corrêa, que tocou a bola entre as pernas do adversário e chutou sem chances para o goleiro Cássio.
_

A arbitragem confusa de César Augusto Alves da Silva, auxiliado por Luís Euclides Castiglione e Ílson Marcos Soares acabou gerando reclamações no intervalo e no final da partida. Em um dos principais erros do juiz, foi marcado um impedimento após cobrança de lateral do Farroupilha. A partida foi complicada e quatro cartões amarelos foram aplicados. Tiago Rocha pelo lado do Pelotas; Luiz Fernando, Gil e Manga pelo lado do Fantasma.


__
Foi o clássico Far-Pel de número 190.
Agora são 93 vitórias do Pelotas, contra
45 vitórias do Farroupilha e 52 empates.
A equipe da Boca do Lobo já marcou 424 gols, contra 272 do Tricolor do Fragata.
_
Veja como foi o clássico.
_
video
_
(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

Farroupilha 0 x 0 Bagé

12.03 - Farroupilha 0 x 0 Bagé
_
Mesmo embalado por duas vitórias, o Fantasma não conseguiu repetir o bom desempenho dos jogos anteriores e não saiu do zero contra o Bagé no Nicolau Fico. Fábio Alemão bem que tentou, mas dessa vez não conseguiu balançar a rede. As defesas estiveram bem postadas, o que acabou ratificando o empate sem gols. A semana agora é de treinamentos fortes (foto) visando o clássico contra o Pelotas. Com o empate diante do Bagé, o Tricolor caiu para a segunda posição, sendo superado pelo áureo-cerúleo no saldo de gols.

Farroupilha 1 x 0 Flamengo

09.03 - Farroupilha 1 x 0 Flamengo

No primeiro jogo em casa, o Farroupilha foi logo para cima do Flamengo. A equipe de Alegrete bem que tentou, mas acabou não suportando a pressão Tricolor. No finalzinho do jogo, bola cruzada na área, Manga escora de cabeça e o artilheiro Fábio Alemão (foto) toca pro fundo do gol e sai pra comemorar com sua já tradicional acrobacia. Com o 1 a 0, o Farroupilha assumiu a liderança da chave 2 da Segundona, tendo o Pelotas na vice-liderança.

_
Confira o gol da vitória.
_
video
_
(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

São Paulo 1 x 2 Farroupilha

06.03 - São Paulo 1 x 2 Farroupilha

Na sua estréia na Segundona Gaúcha, o Farroupilha foi a Rio Grande enfrentar o São Paulo no estádio Aldo Dapuzzo. A equipe fragatense foi armada com Fábio Alemão (foto) no ataque, uma das promessas tricolores para este ano. O Leão do Parque saiu na frente com Belmonte, ainda no primeiro tempo. O Farroupilha empatou no início do segundo tempo com Uendel. Após sofrer o empate, o São Paulo se lançou para o ataque e teve um pênalti a favor. Na cobrança, defesa de Fernando, um dos principais destaques da partida. O empate fora de casa já era um bom resultado, mas Fábio Alemão tratou de dar números finais ao jogo. De virada o Farroupilha venceu em Rio Grande por 2 a 1 e assumiu a segunda colocação da chave 2.
_
Confira os gols.
_
video

(Caso o vídeo não reproduza, clique aqui para vê-lo no Youtube.)

terça-feira, 18 de março de 2008

Blog do Fantasma!

O Grêmio Atlético Farroupilha agora conta com este blog para manter os torcedores atualizados sobre o clube. Aqui no Blog do Fantasma vamos trazer informações sobre história, resultados, atletas, personagens, atividades, e demais tópicos que possam interessar aos apaixonados torcedores e simpatizantes do tricolor fragatense.

Visite nosso blog e acompanhe a trajetória do Farroupilha na Segundona gaúcha de 2008.

Dúvidas e sugestões através do e-mail gafarroupilha@gmail.com


"Farroupilha é no esporte
O mais bravo, o mais forte!"