domingo, 29 de março de 2009

Flamengo 1 x 1 Farroupilha

Em 2008, Farroupilha e Flamengo se enfrentaram duas vezes. Vitória do Fantasma nas duas oportunidades; 1 a 0 no Nicolau Fico, com gol de Fábio Alemão, e 1 a 0 em Alegrete, com gol do artilheiro Élton Corrêa. Hoje a história quase se repetiu. Não fosse o gol do bom centroavante Tiago Ribeiro, o Farroupilha teria conseguido os primeiros três pontos na competição. O lado bom é que o primeiro gol tricolor finalmente saiu. E saiu com um velho conhecido da torcida. Manga reestreou pelo Grêmio Atlético Farroupilha balançando as redes do adversário. O lado ruim foi o gol de empate do Flamengo, aos 43 minutos da segunda etapa. Um empate com gosto bem amargo. O Flamengo segue na liderança da chave. Mais de 4.000 pessoas estiveram presentes no estádio Municipal Farroupilha para acompanhar a partida.
_
*Foto - Jornal Em Questão - Alegrete/RS
_
O JOGO
_
No primeiro tempo as equipes tiveram poucas oportunidades de gol. A movimentação do placar ficou reservada para a etapa final. Manga, o camisa 10, na sua reestréia no Farroupilha, marcou o primeiro gol do Fantasma em 2009. Com o placar adverso, o Flamengo buscou o gol de empate até o finalzinho da partida. Em muitos momentos, o jogo ficou parado por lesões ou substituições de atletas de ambas as equipes. Aos 43 minutos, Alisson Baiano mandou a bola pra área. Ela passou por toda a defesa tricolor e só parou ao encontrar o atacante Tiago Ribeiro, o Tiagão. Ele chutou de pé direito, na saída do goleiro Fernando, dando números finais ao jogo.
_
Na próxima quinta-feira, dia 02 de Abril, o Farroupilha joga em casa contra o Grêmio Esportivo Bagé. O Fantasma ocupa a última colocação da chave, com 2 pontos ganhos. A equipe de Bagé venceu o último compromisso contra o Guarany, por 2 a 1.

terça-feira, 24 de março de 2009

Manga e Welton

A novela chegou ao fim. Manga está de volta ao Farroupilha. O jogador, que já teve passagens pelo clube, já estava treinando com o grupo há cerca de duas semanas, mas ainda sem contrato. Ontem a direção do tricolor confirmou a contratação do meia-atacante. Em 2008, Manga marcou um gol pelo Farroupilha, no último clássico FarPel disputado no estádio Nicolau Fico. Além disso, é um jogador de destaque no grupo, com dribles curtos e passes precisos. O clube só aguarda a liberação da Federação Gaúcha de Futebol para poder contar com o atleta já para o jogo frente ao Flamengo, em Alegrete. O Flamengo vem sendo uma das surpresas do campeonato. Com 7 pontos em 9 disputados, a equipe alegretense é a líder da chave. Para enfrentar esse desafio fora de casa, o técnico PC trabalha forte a partir desta terça-feira as finalizações e passes, que foram definitivos para o resultado negativo do último domingo.
_
Por outro lado, um ponto positivo de domingo foi a estréia do garoto Welton. Com apenas 17 anos, Welton entrou aos 10 minutos da segunda etapa e fez sua estréia como profissional. Criado nas categorias de base do Farroupilha, o atleta sempre foi destaque nos campeonatos que disputou. Agora, com o novo desafio, integrando o grupo profissional, Welton pode lamentar a derrota do tricolor, mas não a sua atuação. Welton correu e se movimentou bastante, e em um momento delicado, em que o Farroupilha tem problemas nas finalizações, o garoto provou que pode ajudar. Em lance rápido, ele recebeu a bola na área e chutou com categoria, deslocando o goleiro Sandro. Uma pena que o zagueiro do São Paulo conseguiu impedir que a bola entrasse, em cima da linha. Em entrevista ao programa Toque Esportivo, da TV UCPel, Welton disse que "o friozinho na barriga antes do jogo foi normal", e que espera ter mais oportunidades para mostrar seu futebol. Ele também disse que está preparado para enfrentar a segundona, mesmo sabendo que é um campeonato difícil. "A zagueirada chega junto, chega forte", brincou. Abaixo temos alguns lances de Welton em sua estréia como profissional, na partida entre Grêmio Atlético Farroupilha e Sport Club São Paulo, de Rio Grande, no estádio Bento Freitas.

video
_
Sobre a contratação de Manga, Welton ressaltou a importância do jogador dentro e fora das quatro linhas. "O Manga é um bom jogador e é uma pessoa que levanta o astral do grupo. Ele motiva todo mundo", garantiu. Manga e Welton são, sem dúvida, duas promessas de muita alegria para os tricolores em 2009.

domingo, 22 de março de 2009

Farroupilha 0 x 1 São Paulo

Finalização. Esta palavra define o drama vivido pelos torcedores do Farroupilha que compareceram ao estádio Bento Freitas - novamente - para assistir ao jogo entre o Fantasma e o São Paulo de Rio Grande. Com uma postura mais ofensiva em campo, o São Paulo teve a primeira oportunidade de gol logo no início do jogo, mas parou em boa defesa de Fernando. Em resposta rápida, Gil arriscou de fora da área, mas a defesa rio-grandina afastou. Aos 10 minutos, quando o Fantasma tentava se impor na partida, Rodrigo Testa cruzou pela esquerda e o zagueiro Cabral, na tentativa de afastar, acabou marcando para o São Paulo. Gol contra. Com o placar adverso, os comandados do técnico PC foram ao ataque com maior freqüência. A grande chance do Farroupilha foi aos 38 minutos. Michel Gomes aproveitou o presente do zagueiro do São Paulo e chutou cruzado. A bola passou pelo goleiro Sandro, mas Benhur - na pequena área - não conseguiu completar para as redes e mandou a bola por cima. Benhur de novo, aos 44 minutos, chutou fraco para a defesa de Sandro. E o primeiro tempo ficou mesmo no 1 a 0.
_
O segundo tempo foi um show de gols perdidos. Com mudanças no elenco, o Farroupilha foi para cima e, logo aos 8 minutos, Diego Monteiro deu um passe açucarado para PC, que ficou na cara do goleiro, mas acabou isolando a bola por cima. O Sâo Paulo ainda teve boas chances, mas não aproveitou. O lance que fez o torcedor do Fantasma enlouquecer foi aos 20 minutos. O garoto Welton, que fez ontem sua estréia como profissional, recebeu na área e - com categoria - deslocou o goleiro Sandro, mas o zagueiro Leandro Magrão conseguiu se recuperar e tirou a bola de cima da linha. O bombardeio seguiu até o final, sem resultado. No último lance do jogo, o goleiro Fernando foi para a área do São Paulo no escanteio tricolor. O resultado foi apavorante! A equipe Caturrita recuperou a bola e, não fosse a correria dos jogadores do Fantasma, quase o jogo acaba em 2 a 0.
_
Esta foi a segunda derrota do Grêmio Atlético Farroupilha no campeonato. Ainda sem vitória e sem marcar nenhum gol a favor, o Fantasma vai a Alegrete no próximo domingo, enfrentar o líder Flamengo.
_
Confira alguns lances do jogo entre Farroupilha e São Paulo.
_
video
*Imagens - Renan Silva / Leandro Lopes
*Narração - Mateus Kerr - TV UCPel
_
HOMENAGEM
_
Antes do início do jogo, foi respeitado um minuto de silêncio pelo falecimento de Jalmo Alcorta Gante. Conhecido por todos no clube e nos arredores do bairro Fragata como Castelhano, ele prestou serviços ao Grêmio Atlético Farroupilha por mais de 30 anos. O falecimento foi na quinta-feira, dia 19 de março. O treino do time na quinta-feira foi antecipado para que os jogadores e a comissão técnica pudessem comparecer ao enterro. Castelhano residia no estádio General Nicolau Fico e era um dos responsáveis pela manutenção do mesmo. Jalmo Alcorta Gante, o "Castelhano". Mais um tricolor que deixa saudade!

sábado, 14 de março de 2009

Farroupilha 0 x 0 Guarany-BA

Jogando no estádio Bento Freitas o Farroupilha ficou no empate sem gols com o Guarany de Bagé. Com os resultados da rodada, o tricolor agora divide a última posição da chave com Bagé e Rio Grande. O jogo foi truncado desde o início. O tricolor entrou em campo com Fernando; Claiton, Nélson e Cabral; Leandro, Rafael Pelezinho, PC (César Alemão), Rafa (Diego Monteiro) e Michel Gomes (Tiago Boiadeiro); Gil e Benhur. O atacante Benhur teve uma das melhores oportunidades do tricolor, de cabeça. Gil, com boa movimentação, também desperdiçou algumas jogadas, e Rafael Pelezinho novamente se destacou pela velocidade e qualidade. O Farroupilha teve mais atitude contra a equipe de Bagé em relação ao primeiro jogo, em Livramento.
_
A principal chance do Farroupilha foi aos 29 minutos, quando Rafa arriscou da meia-lua e a bola passou perto, assustando o goleiro da equipe bageense. O Guarany foi ao ataque com objetividade, mas parou nas boas defesas do goleiro Fernando. O camisa 1 do Fantasma foi o destaque da partida com intervenções que garantiram o primeiro ponto do Farroupilha na competição. No primeiro tempo, aos 43 minutos, Daniel Quevedo arriscou da entrada da área e o goleiro do Fantasma espalmou. A bola ainda bateu na trave antes de ser afastada. Aos 33 e 34 minutos do segundo tempo, Fernando evitou os gols do Guarany nos chutes de Luciano Corrêa e Daniel Quevedo. Com um ponto em dois jogos, o Fantasma do goleiro Fernando entra em campo domingo em busca da primeira vitória na competição, esperando jogar, finalmente, em casa.
_
Veja algumas defesas do goleiro tricolor:
_
video
_
No próximo domingo o Farroupilha joga novamente em Pelotas. No meio da semana haverá a definição se o jogo poderá ocorrer no estádio Nicolau Fico, contra o São Paulo de Rio Grande. A equipe rio-grandina tem 3 pontos na competição e vem de vitória sobre o Pelotas, em Rio Grande, por 2 a 1.
_
Em entrevista ao programa Toque Esportivo, da TV UCPel, o técnico PC disse que houve uma melhora do Fantasma em relação ao jogo contra o 14 de Julho. PC também falou da importância de jogar no Nicolau Fico. "Lá que é o nosso estádio. Por mais que a gente jogue no Bento Freitas, mesmo sendo em Pelotas, com uma boa estrutura, não é lá que a gente treina. Estamos acostumados com o Nicolau Fico e é lá que devemos jogar". Também houve debate no programa sobre os critérios de avaliação das estruturas dos estádios do interior do Rio Grande do Sul. Muitas cidades têm estádios em condições muito piores que o Nicolau Fico, e esses estádios estão liberados. "A gente espera que o estádio seja liberado logo. É a nossa cidade, um time daqui. Temos que jogar em casa".
_
MANGA
_
O jogador Manga deve ser confirmado pela diretoria do Grêmio Atlético Farroupilha ainda nesta semana. O atleta está há quase uma semana treinando com o grupo no estádio Nicolau Fico. Com passagens pelo clube, inclusive em 2008, quando marcou um gol e teve atuações importantes no campeonato, Manga é um importante reforço para o tricolor na segundona de 2009.
_
*Fotos - Carlos Insaurriaga

quinta-feira, 12 de março de 2009

Estréia na Baixada

O primeiro jogo do Farroupilha em casa não vai ser exatamente em casa. A partida contra o Guarany de Bagé será no estádio Bento Freitas. A situação se deve ao fato de ainda faltarem os laudos do Corpo de Bombeiros para a liberação do estádio Nicolau Fico. O tricolor deverá providenciar o cumprimento de algumas exigências de medidas no que se refere à prevenção de incêndios. Segundo o diretor de patrimônio do clube, César Lima, as alterações e medidas necessárias talvez até conseguissem ser concretizadas até o dia do jogo, mas uma nova vistoria está marcada para sexta-feira, e para evitar a correria o contato com o Grêmio Esportivo Brasil foi feito. A diretoria se mostrou receptiva e a estréia do tricolor em Pelotas está marcada para a mesma data e horário. Farroupilha e Guarany se enfrentam no próximo domingo, dia 15 de março, às 15h30, no estádio Bento Freitas. O alvi-rubro estreou com vitória por 1 a 0, jogando no estádio Estrela D'alva, em Bagé, contra o São Paulo de Rio Grande.

domingo, 8 de março de 2009

14 de Julho 1 x 0 Farroupilha

O Farroupilha estreou no campeonato gaúcho da segunda divisão com derrota. Jogando em Livramento, não resistiu ao time da casa. Logo aos 4 minutos, após boa chegada da equipe da fronteira, o zagueiro Cabral tocou involutariamente com a mão na bola dentro da área. Artur Brasil marcou a penalidade, que Krika converteu. Aos 12 minutos o 14 de Julho, em lance de impedimento, chegou a marcar o segundo gol, mas o árbitro anulou corretamente. A partir daí, o jogo seguiu equilibrado até o fim da primeira etapa. O técnico PC aproveitou o intervalo para mexer na equipe.
_
No segundo tempo o Fantasma buscou o gol de empate, mas sem resultado. No finalzinho do jogo, Fernando ainda evitou o que seria o segundo gol da equipe de Livramento, e o placar ficou mesmo no 1 a 0. A equipe do técnico Paulo César Freitas jogou com: Fernando; Leandro, Cabral, Claiton e Michel Gomes (Tiago Boiadeiro); Nélson, Rafael Pelezinho, PC e Rafa (Diego); Gil e Benhur (Éderson). Agora o tricolor busca a recuperação contra o Guarany de Bagé, no próximo fim de semana, no Nicolau Fico. Será o reencontro do Fantasma com o seu torcedor depois de nove meses. A última partida do Farroupilha em casa foi contra o Riograndense de Santa Maria, no já distante dia 14 de Junho. O tricolor do Fragata venceu por 3 a 2, com gols de Élton Corrêa (2) e Tiago Boiadeiro.
_
*Fotos - Daniel Brada - Jornal A Platéia, Livramento/RS

sábado, 7 de março de 2009

Estréia em Livramento

O técnico Almir Madruga nem mesmo estreou e já não é mais o comandante do grupo tricolor em 2009. Para o seu lugar, o presidente do clube, Coronel Ewaldo Poeta, confirmou o experiente volante Paulo César Freitas, o PC. Na estréia, em Livramento, contra o 14 de Julho, o Farroupilha entra em campo com: Fernando; Leandro, Cabral, Claiton e Michel Gomes; Nélson, Rafael Pelezinho, PC e Rafa; Gil e Benhur.
_
O goleiro Fernando (foto), que integrou o plantel do Esporte Clube Pelotas na Copa Lupi Martins, retorna ao Tricolor para a disputa de mais um campeonato. Em entrevista, ele disse que o objetivo do Farroupilha é de "ir longe". "Mesmo se não conseguir o acesso, pode apostar que o nosso time vai incomodar", afirmou. Fernando começou e terminou o campeonato da Segunda Divisão do ano passado como titular do Farroupilha. Outro destaque da equipe é o atacante Gil, que forma a dupla de ataque com o garoto Benhur, uma das promessas do grupo. A partir deste domingo poderemos conferir a equipe do tricolor em seu primeiro desafio do ano. O jogo começa às 15h30, no estádio João Martins, em Livramento. A arbitragem é de Artur Brasil, auxiliado por Anderson dos Santos Echevarria e Geovani Luis da Silva.